segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Virou Costume: CUPIM em Merenda de Cidade do Litoral Sul


Escola Municipal funcionando com alunos de mais duas escolas, pia com rachaduras, cupim nas paredes e janelas, portas dos banheiros deterioradas, merenda armazenada inadequadamente, no armário de aço da Secretaria da Escola, juntamente com os materiais escolares. Estas foram algumas das irregularidades detectadas durante uma inspeção realizada pelo Ministério Público da Paraíba, através das promotoras de Justiça, Fabiana Lobo e Cassiana Mendes, nas escolas e creches das cidades de Caaporã e Pitimbu.
A ação que aconteceu na última sexa-feira (19) contou também com a participação de representantes dos Conselhos Tutelares, Conselhos de Alimentação Escolar, da Controladoria Geral de União e da Advocacia Geral da União.

Segundo informou a promotora de Justiça, Cassiana Mendes, que atua nos dois municípios, foram várias as irregularidades encontradas durante a inspeção, a exemplo de prédios desativados. “Um deles iniciaram a obra, porém não concluíram, por questões políticas. É o caso da Creche Joana de Morais, situada no Acaú (Distrito de Pitimbu), que está funcionando na casa de um dos vereadores, a qual foi alugada para este fim”, ressaltou.

As representantes do MPPB constataram que no prédio da Escola Municipal Celerino Francisco Menezes, no Município de Pitimbu, estão os estudantes de mais duas escolas, na Escola Severina Lira e na Escola Nossa Senhora de Fátima, em ambas, o prédio se encontra desativado. Segundo informações prestadas por um dos Conselheiros Tutelares do Município, o prédio onde funcionava uma das escolas foi desocupado pela prefeitura para funcionar a Secretaria da Pesca, porém logo após dois meses o local foi desativado. Atualmente, o prédio está abandonado.

Em visita a Escola Municipal Othon Gurgel foi constatado pia com rachaduras, cupim nas paredes e janelas, portas dos banheiros deterioradas, merenda armazenada inadequadamente, no armário de aço da Secretaria da Escola, juntamente com os materiais escolares. No espaço da Secretaria funcionam Sala de Leitura, almoxarifado e despensa. A carne de charque e as margarinas estavam guardadas no armário de aço, pois na escola não há geladeira ou freezer.

Audiência Pública
No início da manhã de sexta-feira (19), antes da inspeção, aconteceu uma audiência pública na cidade de Caaporã com os Secretários de Educação dos Municípios de Caaporã e Pitimbu, membros dos Conselhos Municipais de Alimentação Escolar e membros dos Conselho Tutelares, para discutir sobre a gestão das Verbas da Merenda Escolar.

Do Paraíba 1 com a MPPB 
Postar um comentário