segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

MAMANGUAPE: Polícia Militar prende acusado de matar mulher com um tiro no pescoço

A Polícia Militar da 2ª Companhia de Mamanguape conseguiu localizar um dos acusados de matar uma mulher de 37 anos, identificada como Maria das Graças, depois de um assalto na noite deste domingo 17, na comunidade de Pindobal, próximo a Usina Monte Alegre.

 (Vulgo Rafinha autor do disparo)

O acusado é o jovem de 19 anos de idade, Rafael Francisco da Silva, vulgo ‘Rafinha’. Depois de receber informações sobre os elementos, a PM localizou por volta das 03:00 horas da madrugada desta segunda 18, o Rafinha, que estava na casa de sua namorada, próximo a Igreja dos Mórmons no centro de Mamanguape. Com ele foi encontrado uma pedra de crack com aproximadamente 200 gramas, e um revolver 38.

 (Arma usada no crime)

Rafael Francisco da Silva que é morador do Alto do Cemitério confessou o crime e foi autuado em fragrante por latrocínio e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.
Com ele estava outro elemento, que não soube informar o nome, apenas afirmou que encontrou no caminho e decidiram praticar o assalto.
Segundo informações, Gracinha como era popularmente conhecida estava em um bar na comunidade de Pindobal, pertencente a sua irmã, quando os indivíduos chegaram e anunciaram um assalto.
Ela teria dito que eles não ‘podiam mais que Deus’, e nessa hora o Rafinha efetuou um único tiro em direção a vítima.
Gracinha foi atingida no pescoço, em seguida socorrida para o Hospital e Maternidade Nossa Senhora do Rosário mais não resistiu e chegou a óbito.
A PM está em diligência no sentido de capturar o segundo acusado.

Da Redação O Arauto Mamanguapense
Com informações do PBVale
clenilsonpinto@yahoo.com.br
Postar um comentário