sexta-feira, 4 de novembro de 2011

SERTÃOZINHO ESTÁ MORRENDO

 Caro leitor, Não estamos falando de Sertãozinho cidade do interior de São Paulo, não estamos falando de Sertãozinho cidade do interior da Paraíba, mas sim de Sertãozinho uma  reserva de Mata Atlântica localizada na cidade de Mamanguape, estado da Paraíba.Em recente visita àquela área, quando na oportunidade fazia-mos um levantamento ambiental direcionado ao curso de pós-graduação em Ciências Ambientais solicitado pelo coordenador de Metodologia do Trabalho Ciêntífico  fomos pegos de surpresa quando no momento nos deparamos com o alto grau de desmatamento, o excesso de lixo colocado dentro da reserva, e com o assoreamento do rio e do açude existente naquela reserva. Na nossa caminhada, registramos um pequeno campo de futebol,  um cercado para colocar animais além de uma pequena roça de macaxeira ambos encravados dentro dos limites da mata.

 Ao adentrar-mos na mata, fomos constatando outras irregularidades e pasmem, os senhores, registramos o corte de várias espécies da mata atlântica e uma enorme carvoeira queimando as espécies cortadas transformando-as em carvão vegetal para ser comercializado. Ficamos perplexos a nossa mata está sendo gradativamente dizimada por alguém que ainda não tem uma consciência ecológica e de preservação do meio ambiente. É preciso que estas pessoas reconheçam que acabar com a reserva não é a solução, pois com sua extinção não haverá mais outra e você não fará mais carvão para vender.Solicitamos das autoridades ambientais competentes providências urgentes, pois em pleno século XXI enquanto todo o mundo clama pela preservação e conservação das áreas legais existentes, Mamanguape dorme debaixo dos olhos daqueles que roubam de nós um de seus maiores patrimônios ambientais que é a Reserva de Sertãozinho.Imploramos aos moradores das adjacências que nos ajudem a preservar o que ainda resta, pois são vocês que precisam principalmente da água do rio e das cacimbas para atender as suas necessidades vitais.
A responsabilidade é de todos! Sertãozinho agradece.
Professor Tarcísio.

Da Redação O Arauto Mamanguapense
clenilsonpinto@yahoo.com.br
Postar um comentário