segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Em jogo marcado por conflitos entre torcedores, Belo e Sport empatam nla Copa do Nordeste Torcedores do Sport, time do vizinho estado de Pernambuco, compareceram em massa ao estádio paraibano, havendo o registro de vários conflitos

O Botafogo (PB) e o Sport (PE) empataram, em 1 x 1, no Estádio José Américo de Almeida - o “Almeidão”, no final da tarde deste domingo (19), pela primeira rodada da Copa do Nordeste. Logo aos cinco minutos do primeiro tempo, o time paraibano abriu o placar em cima do “Leão” rubro-negro, mas deixou o rival empatar e teve um jogador expulso.
O argentino Frontinne, que chutou no canto esquerdo do goleiro Magrão e abriu o placar para o time do “Belo” no primeiro tempo, foi expulso na segunda fase da partida, após o árbitro Charles Hebert compreender que ele havia se jogado, tentando cavar um pênalti.
Na saída para o vestiário, após ser expulso, o jogador lamentou: "Foi um absurdo, não tinha como eu me jogar em frente ao gol, pois eu estava com a bola dominada".
O Sport empatou a partida com Felipe Azevedo, aos 10 minutos do segundo tempo, aproveitando uma bola cruzada pelo lado direito da área, sem chances para o goleiro Romerson.

A partida foi movimentada dentro de campo. Fora do estádio o clima foi tenso entre os torcedores. De acordo com o tenente coronel Anchieta Leite, 300 policiais integrantes de tropas especiais e policiamento ordinário acompanharam a partida, com o objetivo de manter a segurança no estádio. “Contamos com câmeras de monitoramento para inibir ações violentas. Tivemos todo um aparato, para que os torcedores pudessem ter momentos de tranquilidade”, disse.

Vinte minutos antes do início do jogo, torcedores do Botafogo teriam passado por trás de onde estavam torcedores do Sport, tendo os visitantes, não aceitado a presença dos botafoguenses e indo de encontro a polícia.
O clima de tensão permaneceu até mesmo entre os jogadores. Richeli (Sport) e Lenílson (Botafogo) se estranharam em campo, logo após o início do 2º tempo, mas foram contidos pelos demais atletas.

PM isolou as duas torcidas, montando duas filas entre as arquibancadas
Foto: PM isolou as duas torcidas, montando duas filas entre as arquibancadas
Créditos: Reprodução/Twitter/Daniel Leal

Foram disparadas balas de borracha para controlar a 'euforia' dos torcedores de Pernambuco. Apesar do conflito, segundo a assessoria da PM, ninguém foi detido ou ficou ferido.

Torcedores do Sport/PE
Foto: Torcedores do Sport/PE

Ao lado da família, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, chegou por volta das 14h30 ao estádio e ressaltou a importância da participação do “Belo” em mais uma competição nacional. “O Botafogo está entrosado e deve nos representar muito bem na Copa do Nordeste”, disse o prefeito. 
Confira escalação dos times:
Sport - Técnico: Geninho
Magrão (goleiro), Patrick, Oswaldo, Perrón, Marcelo Cordeiro, Rodrigo Mancha, Naldinho, Richeli, Aílton, Felipe Azevedo e Sandro.
Botafogo -Técnico: Marcelo Vilar
Reberson (goleiro), Ferreira, Magno Alves, André Lima, Luciano Amaral, Zaqueu, Hércules, Pio, Lenílson, Rafael, e Frontine
Arbitragem: Charles Hebert (central), Carlos Jorge (auxiliar) e Adeílton Guimarães (auxiliar). 

Da Redação O Arauto Mamanguapense
Com Portal Correio
clenilsonpinto@yahoo.com.br
clenilsonpinto@gmail.com
Postar um comentário