sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Luto Morre o cantor Reginaldo Rossi Rossi estava internado no Hospital Memorial São José

 
O garçom já não escuta mais lamentações na mesa de bar. A raposa não está mais com as uvas. Itamaracá já não tem tanto encanto assim. O brega ficou doidão. Tudo porque faleceu por volta das 10h desta sexta-feira (20), o pernambucano Reginaldo Rossi. O cantor, de 69 anos, não resistiu a um câncer de pulmão. Estava internado no Hospital Memorial São José, no Recife, desde o dia 27 de novembro, quando sentiu dores no peito. Dessa vez, entretanto, a dor não era de amor, como as músicas dele espalhavam. Após ser diagnosticado com câncer, chegou a fazer quimioterapia, mas não resistiu. O brega está de luto. Só nos resta lembrar com muita saudade daquele bailinho.
Nos arredores do Memorial São José, fãs se amontoam para tentar saber notícias do Rei.


Fãs choram a morte de Reginaldo Rossi no Hospital Memorial São José
Reginaldo Rossi não resistiu ao câncer de pulmão e teve falência múltiplas dos órgãos. O corpo do cantor apresentou falência renal, respiratória e hepática, até, por fim chegar à óbito. O pneumologista, Murilo Guimarães, em entrevista a Rádio Jornal, relatou que a situação do rei do brega era complicada. "Na verdade até anteontem, nós estávamos otimistas, porque ele apresentava uma melhora todo dia. Infelizmente ontem, o quadro se agravou muito e vimos que ele não tinha mais como lutar." 


Quando passou mal e foi internado, Rossi já estava bastante debilitado e o câncer já tinha se espalhado. Chegou a ter alguns pequenos lampejos de melhora que encheram de esperança uma legião de fãs do Rei do Brega. Mas a luta já estava perdida. Era apenas questão de tempo.


VELÓRIO:  

 A família do cantor Reginaldo Rossi divulgou os horários de velório e enterro do músico, que morreu na manhã desta sexta-feira (20) por falência múltipla dos órgãos. O corpo de Rossi será velado no plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) a partir das 17h e dura até amanhã. O enterro está programado para as 16h30 deste sábado (21), no cemitério Morada da Paz, em Paulista, no Grande Recife.

Da Redação O Arauto Mamanguapense
Com informações do Jornal do Comércio de Pernambuco
clenilsonpinto@gmail.com
clenilsonpinto@yahoo.com.br
Postar um comentário